segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Derrota

Escrito em 2009

Mais uma vez estamos aqui:
eu, a vodka e o refrigerante de limão...
quero ver quem morre primeiro.

Te esperar é foda...
me mato um pouco a cada dia.

A última vez que fiquei com as  mesmas companhias de hoje,
pensei que  tivessem sido 200ml,
mas foram mais de 500!
Será que mato o resto hoje?

Queria matar você.

Queria beijar você,
te fazer suar
ao som de folk rock
poder te sentir suspirar...

porque, por você, eu sou sempre mais idiota que o meu normal.

Nenhum comentário: