segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Boomerang

vai.
te prender é algo que eu não faria.
vem...
eu aceito.

vai,
porque você aqui dói.
vem,
já que você longe dói mais.

vai!
não suporto a indecisão!
vem,
porque a suposição, na sua ausência, me mata aos poucos...

vai.
não te quero mais!
mas...vem,
porque eu não te quero menos...

aceito o vai e vem.

o foda é que desde criança
eu  sempre soube
que boomerangs são capazaes de decapitar pessoas.

Nenhum comentário: