quinta-feira, 2 de julho de 2009

Hoje é um daqueles dias
em que tudo em mim parece ruim.
Péssimo, na verdade.
E eu queria sumir,
criar asas,
me auto suprir,
me admirar.

Me sinto lixo.

Minha sorte (ou não) é que tem gente que vive de lixo,
tanto os pobres catadores,
quanto os empresários importadores de containers cheios dele.

É..tudo tem muito mais que dois lados.
Hoje todos os meus lados são péssimos...
não estão...são!
Tempo não importa.
Todo mundo só vive no presente.

O passado serve pro lamento ou saudade.
O futuro é a casa dos sonhos.
Mas...vida de fato, só acontece no presente.

e hoje eu só queria não existir...
Dentro de mim não é um bom lugar pra se viver...
Seria se eu não fosse eu hoje.

eu só queria ser a pessoa que sempre imaginei ser.
Saudade dos meus treze anos. Lamento.

Alice Ayres escreveu hoje mesmo.

Nenhum comentário: